Por que as vagas se repetem?

“… tenho acompanhado os seus artigos no jornal “Mais Empregos”, e, se for possível gostaria de obter algumas informações com você. Sou formado em adm. de empresas, com experiência na área administrativa e financeira, e tenho percebido que as vagas que são apresentadas tanto nos jornais, quanto nos sites, estão se repetindo; percebo as mesmas descrições e os mesmos cargos todas as semanas. Você saberia me informar se existe uma época mais propicia para vagas nas áreas administrativa e financeira, e se o fato das vagas se repetirem semanalmente, seria  por causa do tempo de contratação? Você saberia avaliar em média, quanto é esse tempo? Desde já muito obrigado, aguardo sua resposta.”

Continue reading “Por que as vagas se repetem?”

Currículo ou Curriculum Vitae

Selecionadores de pessoal têm o mesmo propósito e variações na realização dos seus serviços. Em havendo legalidade e respeito, tais variações são justificáveis.

Entrevistar cada candidato antes de cadastrar seu currículo permitiria acrescentar observações e informações que facilitassem a que fossem chamados para eventual oportunidade aqueles com maiores chances de acerto. São tantos candidatos que fazer isso – com mesmo tempo, atenção e critérios para todos – é impossível.

Continue reading “Currículo ou Curriculum Vitae”

A virtude da penitência

Além de nominar um dos Sacramentos de Cura, o vocábulo penitência indica uma virtude.

A virtude da penitência é essencialmente interior, motivo pelo qual se diferencia atitude de ação: esta vem da aparência, do entendimento/compromisso raso ou equivocado; aquela nasce, cresce e permanece no coração e na mente, com entendimento/compromisso profundo e coerente. A Palavra alerta: “Rasgai vossos corações e não vossas vestes” (Jl 2, 13).

Continue reading “A virtude da penitência”

A virtude da misericórdia

Ser misericordioso é ser bondoso sem recessos e exceções, ser disponível sem esperar nada em troca, é ser bom samaritano (Lc 10, 30-35). “A misericórdia é a compaixão que o nosso coração experimenta pela miséria alheia, que nos leva a socorrê-la, se o pudermos” (Santo Agostinho, em A Cidade de Deus). Misericórdia é fé e são obras (CIC 2447).

O senso humano de justiça é “dar a cada pessoa o que lhe é devido”, é “pagar o que se deve”. O princípio divino da virtude da misericórdia supera a justiça, pois, oferece o que é bom com fartura, sem limites, com vontade de perdoar, mesmo quando o destinatário da oferta ainda não a quer aceitar ou não faz por merecê-la (CIC 211 e 2840).

Continue reading “A virtude da misericórdia”